Sábado, 3 de Março de 2007
Da varanda III

Árvores não identificadas, provavelmente do género Prunus. Foto minha em Creative Commons.

É a quarta Primavera que vejo renascer desta varanda, nos tons róseos destas ávores que não consigo identificar, mas que me parecem do género "Prunus", a que pertencem as cerejeiras, amendoeiras, pessegueiros e outras árvores, e a quem a japoneses, por esta altura, prestam particular atenção (especialmente às belíssimas Prunus serrata). Em Portugal já há quem se desloque para admirar as amendoeiras do Douro ou as cerejeiras do Fundão. Mas eu, que nestas alturas me sinto como os dendrólatras japoneses fascinados pela "Sakura", limito-me a espreitar o pequeno renque de árvores que consigo descortinar entre dois prédios de triste feição. Não é o vale verde da minha infância (que também já não existe, corroído por estradas e incêndios), mas é o sorriso oligoelementar que nos mantém ainda com alguma ligação à terra. Não podendo encher os ouvidos com a sinfonia de uma floresta ou de um pomar, há que fazer o nosso próprio tipo de música com as notas que nos restam entre as cordas partidas de um violino, que tocamos em pizzicato.
Artigos da mesma série:
publicado por Manuel Anastácio às 16:42
link do post | Dizer de sua justiça | Adicionar aos favoritos
3 comentários:
De Artur a 5 de Março de 2007 às 11:39
É verdade, regressaram os dias de céu azul. Tu contemplas as àrvores em flor, eu a frescura do mar, com aquele marulhar que é a mais bela música que existe (excepto, talvez, a das esferas, mas essa não é audível...)
De D'Noronha a 7 de Março de 2007 às 01:07
Amigo Manuel, que bom é ler sua vidraça. Que bom saber que nossos semelhantes não desconhecem as linhas territoriais. As estações, as cores, os odores é que nos fazem , ao menos, parecer mais humanos.

Feliz Primavera!
De Artur a 7 de Março de 2007 às 08:52
Curiosamente, no Deviant Art lançou-se um acontecimento que pretende fotografias das vistas das janelas dos membros do site. Vai ao World through your window (http://browse.deviantart.com/projects/currentevents/comprojects/windowworld/).

Dizer de sua justiça

.pesquisar