Segunda-feira, 22 de Outubro de 2012
Profetas

Moisés beijou o rosto do Faraó.

Meu irmão, como não terei outro, meu irmão.

E olhou-lhe os lábios onde ainda se marcava a cicatriz

dos seus dentes. Meu irmão.

Maomé gritou à multidão,

meus irmãos, vós, que comigo se deitaram,

quem foi Moisés,

quem foi Aarão a não ser um artífice de bois doirados?

disse Maomé à multidão,

de olhos mirrados.

Artigos da mesma série:
publicado por Manuel Anastácio às 21:51
link do post | Dizer de sua justiça | Adicionar aos favoritos
.pesquisar